Seis imagens de Caxias antiga

O Site Agenda Maranhão posta 6 fotos antigas de Caxias. Destaque à imagem de pessoas perto da Igreja de Nossa Senhor da Conceição e São José.

A foto da Travessa José Guimarães e Armazém Caxias tem composição perfeita. Há imagens do Balneário Veneza, da casa onde Coelho Neto nasceu, entre outras.

E o jornalista e poeta Celso Borges avisa que acontece em Caxias, neste sábado (11), às 19h, o Trincheira Cultural com recital de poesias em praça pública e participação de poetas que vivem no Maranhão.

 

Pessoas perto da Igreja de Nossa Senhora da Conceição e São José

Localizada na Praça Cândido Mendes e conhecida, também, como Igreja Matriz, foi construída em 1735 pelos padres da Companhia de Jesus e passou por algumas reformas ao longo dos séculos.

É o maior templo religioso de Caxias e a primeira igreja construída à margem direita do Rio Itapecuru.

Foi o palco da assinatura da adesão de Caxias a independência da República.

 

 

Travessa José Guimarães e Armazéns Caxias

Imagem cuidadosamente composta. Apresenta a Travessa José Guimarães e, a esquerda, um trecho da Praça Gonçalves Dias. A composição inclui um jovem em uma sacada ao lado direito da imagem.

 

Balneário Veneza

Em 1919, o vigário espanhol, Padre Chevarria, descobriu que a água da área onde é, hoje, do Balneário Veneza era mineral.

Segundo alguns estudos, a lama negra do lago do balneário tem efeitos medicinais devido seu alto teor de enxofre, podendo ser usada no tratamento de doenças da pele.

O uso medicinal da lama foi divulgado após uma análise química da água que banha o Balneário, feita por um laboratório de Paris, em 1929.

Outra análise, feita em 1943 por técnicos do Ministério de Minas e Energia, constatou a existência de 27 elementos químicos na composição da água do Balneário.

 

Casa onde nasceu Coelho Neto

Nessa casa, na estão Rua da Palma, nasceu Antônio Gonçalves Dias.

Segundo pesquisadores, a casa da família de Coelho Neto era simples, possivelmente porta e janela, meia-morada ou morada inteira.

Na década de 1930, já com o nome de Rua Coelho Neto, a prefeitura instalou no local o Centro Artístico Operário Caxiense.

Na década de 1960, a casa foi totalmente reformulada.

 

Praça Dias Carneiro

A Praça Dias Carneiro ou Praça do Pantheon foi construída no largo que ficava em frente a então Companhia de Fiação de Tecidos União Caxiense. É uma homenagem a um industrial.

 

Casa de Justiça

A Casa da Justiça está localizada na Praça Gonçalves Dias, também, conhecida como Praça das Palmeiras.

A praça é uma homenagem dos caxienses a seu conterrâneo, o poeta da Canção do Exílio, Antônio Gonçalves Dias.

Durante as décadas de 1960 e 1970 o prédio, de arquitetura neoclássica foi sede do Grupo Escolar Gonçalves Dias e do Grupo Escolar João Lisboa. Também conhecido como Antigo Fórum, o espaço abrigou até o ano de 2011 o Fórum Desembargador Arthur Almada Lima, quando este teve seu novo prédio inaugurado na Cidade Judiciária. Atualmente é o Tribunal do Júri Popular.

Deixe uma resposta

Assign a menu in the Right Menu options.