Último dia do Ambulatório Santos, de Seu Tonico

Antônio de Jesus Coelho Santos, o Seu Tonico, 96 anos, abriu o Ambulatório Santos, pela última vez, no domingo, dia 1° de setembro de 2019.

O Ambulatório Santos funcionou, deste a década de 1970, na Rua Humberto de Campos, 205, uma via que começa na Praça João Lisboa e segue rumo à Praia Grande, no Centro Histórico de São Luís.

Acompanhado do neto, Mauro Praseres, e da filha, Ilda Santos, Seu Tonico comandou a mudança. Indicou à filha e ao neto como retirar e transportar cada peça, cada produto que saia para ser acomodado no veículo estacionado em frente ao ambulatório.

“Mauro, este litro não pode ir deitado; tem de ir com a tampa sempre para cima”, recomendou Seu Tonico ao neto.

Os porta-retratos foram indicados para irem na parte da frente do carro e não na carroceria.

De Arari a São Luís

Em 1974, Seu Tonico e família saíram da cidade de Arari, no Maranhão, para São Luís. Antes, passaram um ano em Miranda do Norte.

Em São Luís, Seu Tonico abriu o Ambulatório Santos. “Muitos fregueses confiam mais em mim do que nos médicos”, afirma Seu Tonico, que não chegou a concluir o curso de farmacologia, mas é dono de uma alquimia própria.

Mauro contou que cresceu ouvindo elogios ao avô. Ele recorda que diversos clientes diziam frases do tipo “Eu não vou em médico assim; eu vou em Seu Tonico, primeiro”.

Pai de seis filhos, entre os quais o cantor e compositor Zeca Baleiro, Seu Tonico atendida pessoas com problemas de saúde, vendida remédios, incluído fórmulas farmacêuticas próprias, e fazia pequenas cirurgias.

Deixe uma resposta

39 − 31 =